TAG #DOENÇAS LITERÁRIAS


Oii Pessoal, hoje vim responder uma nova #TAG. A Tag de hoje é: Doenças Literárias. Ele consiste em: Para cada doença, nós citarmos um livro de acordo com o que se pede.

Gostei muito de responder essa tag, e confesso que algumas perguntas foram bem difíceis... Então, prontos para ver no que deu?









#Diabetes: Um livro muito doce.
Acho que o livro mais doce que eu li foi Anna e o Beijo Francês, da Stephanie Perkins, não que o livro seja ruim, ao contrário, é um dos meus preferidos e acho que todo mundo precisa de uma dose dessa diabete.







#Catapora: Um livro que você leu uma vez para nunca mais na vida.
Um livro que nunca mais quero ler na vida sem sombra de dúvida é A Rosa e o Dragão, da Vanessa Pereira. Não sou dessas de reler livro (a não ser HP claro!), porém não quero nem mais tocar nesse livro. Me decepcionei demais com a história.








#Influenza A: Um livro contagioso.

Preciso mesmo responder essa? Acho que o livro mais contagioso dos últimos tempos foi A Culpa é das Estrelas do John Green, cruzes, todo canto todo mundo só fala deste bendito livro, que para falar a verdade, nem é essas coisas toda.












#Insônia: Um livro que você virou a noite lendo.

Um livro que me tirou o sono foi 
Cidade dos Ossos da série Os Instrumentos Mortais, assim que ganhei o livro e peguei pra ler virei a noite lendo, e quando acabei já era quase de manhã.






#Amnésia: Um livro que você leu e não se lembra.

Espectroda série Diários do Vampiro. Esse livro eu li esse ano, porém, só me lembro de ter lido, pois tanto nele quanto nos dois posteriores não acontecem muitas coisas interessantes, achei desnecessários todos eles.










#Asma: Um livro que te tirou o fôlego.
Mentirosos da E. Lockhart, uou, que livro incrível, cada página era uma bomba, não me lembro de ter ficado tão boquiaberta com um livro como fiquei com esse! 









#Má Nutrição: Um livro que você esqueceu-se de comer para ler.
Sábado a Noiteda Babi Dewet foi o livro que não me deixou nem beber água, porque assim que me sentei para ler, só parei quando terminei. Acho que também foi o livro que eu li mais rápido, e assim que acabei o primeiro já corri e comprei o segundo e o terceiro. Li a trilogia em 2 dias!







#Doença de Viagem: Um livro que te lembre/ você relacione com uma viagem.
O símbolo Perdido, me lembra de ter passado uma viagem quase toda lendo ele, e ele durou quase duas semanas, eu simplesmente não conseguia ler muito, mas a leitura dele no meu ponto de vista foi bem arrastada.











E ai, gostaram? Fiquem a vontade de responder a TAG nos comentários. Até a próxima.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá, obrigada pela visita!

Gostou da postagem? Então deixe sua opinião/crítica/elogio aqui!
É blogueiro? Deixe o link do seu blog para que possamos visitar :)


Equipe Entre Páginas

© Entre Páginas | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Colorindo Design | Tecnologia do Blogger