[RESENHA]: O Garoto dos Olhos Azuis - Raiza Varella (Trilogia Encantados #01)

Título: O Garoto dos Olhos Azuis
Autor(a): Raiza Varella
Editora: Pandorga
Ano de lançamento: 2014

Sinopse: "O príncipe encantado existe?
Bárbara é linda, loira e bem-sucedida. Desde que assistiu a uma cerimônia de casamento pela primeira vez, ainda criança, seu sonho é apenas um: percorrer o tapete vermelho da igreja, vestida de noiva. Porém, contrariando todas as suas expectativas, ao ser abandonada no altar, a vida de Bárbara desmorona. Ela decide voltar à cidade natal e passa a viver com os irmãos e mais dois amigos. Todos homens. Com a ajuda de Vivian, uma espécie de Barbie Malibu, Bárbara tenta superar sua decepção amorosa recente e uma da adolescência, que volta com tudo à sua memória: o garoto dos olhos azuis. Será que o cavalo branco só passa uma vez? É isso que Bárbara vai descobrir com bom humor, jogo de cintura e uma pitada de neurose, em O Garoto dos Olhos Azuis, romance de estreia de Raiza Varella."



Ah, que leitura maravilhosa foi essa! Acredito que existem momentos certos para cada leitura, e não pude escolher momento melhor para ler O Garoto de Olhos Azuis. Fui conquistada pela capa e sinopse (amante de romances falando novamente), e após ler inúmeras resenhas, minhas expectativas quanto à obra estavam bem altas, e claro foram mais que superadas! Queria uma leitura que prendesse a partir da primeira página, me arrancasse risos e lágrimas, me fizesse rir igual boba e torcer muito por um final feliz, e O Garoto foi tudo isso e muito mais. Agradeço a Raiza pela oportunidade de ler essa obra maravilhosa, e não vejo a hora de ler os próximos volumes!


Quando ainda criança, Bárbara presenciou, em seu primeiro casamento, algo que marcou para sempre a sua vida: ao invés de olhar a entrada da noiva, Babi olhou para o noivo, e o olhar de amor e pura adoração, encantaram a menina de tal forma que, tornou-se o sonho da garota ter um casamento de contos de fadas e um momento como aquele, em que o noivo a olhasse com tanto amor e carinho.

Anos depois, Bárbara se tornou uma mulher linda e bem sucedida, noiva de Miguel, com quem namora há três anos, e finalmente vai se casar. Porém, as coisas não saem como o planejado, e Babi é abandonada no altar. Nesse dia, perde muito mais do que o casamento dos sonhos; perde grandes amizades, e a crença no conto de fadas e no príncipe encantado.

Desiludida e com o coração partido, Babi decide voltar a morar com a família, no interior de Santa Catarina, e deixar para trás toda a decepção que viveu; porém, como as coisas com sua mãe também não dão muito certo, Babi resolve ir morar com os irmãos mais velhos (e super protetores) Augusto, de 28 anos, e Gustavo, de 26, que dividem um apartamento com mais dois amigos, Bernardo e Ian, o lindo loiro de olhos azuis, dono do apartamento.

Claro que morar com quatro homens super protetores ia dar confusão, certo? Nem tudo são flores no apartamento, e devido a isso, muitas vezes Babi precisa fugir de tanta proteção, e nos momentos que se sente sozinha, sempre se lembra de um fato ocorrido no seu passado, nessa mesma cidade: o momento que conheceu o garoto de olhos azuis, um garoto que lhe ajudou em um momento ruim de sua adolescência, deu o seu primeiro beijo, e a fez acreditar no príncipe encantado; um garoto que ela nunca mais viu, mas jamais esqueceu.

Além de conviver com os quatro amigos, Babi conhece a irmã mais nova de Ian, chamada Vivian (Vivi para os íntimos), que é linda e de bom coração, mas apesar disso não tem muitos amigos, devido a um trauma vivido no passado. A chegada de Bárbara deixa a garota super empolgada, e ela logo tenta fazer amizade, mesmo com toda a resistência de Babi a deixar novas pessoas adentrarem em sua vida. Vivi com muita insistência consegue se aproximar, e as duas começam aí, uma verdadeira amizade. Enquanto Babi tenta ajudar Vivi a se aproximar do carinha que ela gosta, Vivi tenta fazer Babi superar um pouco de toda a dor vivida no passado.

Aos poucos, Babi vai se adaptando na nova vida, e percebe que não poderia estar em lugar melhor. Encontra na companhia desses rapazes (e dessa moça linda que é a Vivi) proteção, carinho, amizade, e quem sabe um novo amor?  Mas como a vida adora pregar peças (e a Raiza Varella também haha) muitas coisas ruins ainda acontecem, e Babi precisa passar por várias provações para finalmente ter o seu verdadeiro final feliz.

Considerações: Há tantos pontos positivos a ressaltar! Como disse antes, minhas expectativas estavam bem altas, e nada deixou a desejar, pelo contrário! Fui surpreendida em vários pontos da história, ri muito com vários trechos, (principalmente as confusões da Babi) e também me emocionei com alguns dramas que não esperava encontrar, e essa foi uma das melhores surpresas. Quando você acha que a está tudo se encaminhando para o esperado, a história muda completamente, nos fazendo duvidar até mesmo do que parece previsível.

Todos os personagens são maravilhosos, com personalidades bem distintas e fortes. Babi é uma protagonista extremamente divertida, e consegue se meter em situações inimagináveis. Com tudo o que ela passou, esperava por uma personagem bem dramática, mas apesar de alguns chiliques, achei que ela se mostrou bem forte, e foi nítido seu amadurecimento durante a história. Vivi também me cativou profundamente! Achei a personagem extremamente doce, e achei que suas características positivas e até mesmo sua beleza foram mais ressaltadas do que as da própria Babi, o que adorei! É bom ver personagens secundários sendo tão bem trabalhados. Os meninos também são maravilhosos; ciumentos, prontos para uma briga a qualquer momento, pegam muito no pé da Babi, mas também não pensam duas vezes antes de defender a irmã. A família da Babi é muito unida e muito engraçada, os momentos em que aparecem todos juntos são risadas garantidas!

Lembro-me do Augusto, que estava mais perto dos dois, jogar Miguel no chão. Lembro-me de Gustavo indo ajudar o irmão a encher a cara do meu noivo de porrada. Lembro-me do meu pai o levantando do chão e o segurando para que meus irmãos descontassem a raiva, e também lembro da minha mãe gritando: “Pelo amor de Deus, meninos, estamos em solo sagrado! Acabem com esse infeliz do lado de fora”.

Ian é outro personagem super cativante. Lindo, médico, bem sucedido, é um irmão e amigo maravilhoso, super protetor e ciumento. Mas tem que ter um defeito né? Ian vive emburrado e de mau humor, e Babi parece conseguir despertar o pior nele. A relação dos dois é extremamente explosiva e engraçada, Babi, mesmo sem querer, sempre o tira do sério, mas, mesmo com tudo isso, os dois criam um forte laço de amizade, cumplicidade, e talvez, algo mais...

Não tenho muito o que dizer da edição pois li o livro em PDF. Os capítulos são todos narrados em primeira pessoa, pela Babi, e só no final temos outro personagem narrando, mas não vou falar porque, gosto de deixar vocês curiosos!

O Garoto de Olhos Azuis é uma obra leve, bem escrita e deliciosa. Tem tudo que um romance precisa para nos deixar ansiosos, torcendo por um final feliz. Li praticamente todas as páginas com um sorriso no rosto, me deliciando e querendo mais!

Se você é fã de romances, recomendo sem medo O Garoto de Olhos Azuis, tenho certeza que vai gostar. E vêm novidades da autora por aí, aguardem!

Beijos e até a próxima!

9 comentários:

  1. Oi!

    Gosto muito dessas histórias de amor, perdão e recomeços e gosto principalmente quando o autor foca não no problema, mas na solução. O que foi o caso desse livro, com Bárbara se curando do mal que lhe foi causado e aprendendo que (sim) finais felizes existem.

    Parece fofíssimo! Parabéns e sucesso para a autora!

    Bjs!
    Não me venha com desculpas

    ResponderExcluir
  2. Oi Ana!
    =)
    Olha eu também tenho expectativas com esse livro desde quando ele foi lançado. Gosto demais da capa e inicialmente fui fisgado por ela. Espero que ser surpreendido como você foi também.

    Bjão.
    Di, Blog Vida & Letras
    www.blogvidaeletras.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Bem no momento que estava pensando em "O garoto de olhos azuis", vi que você tinha resenhado esse livro e fiquei ainda com mais vontade de ler, principalmente por que também tenho expectativas bem altas sobre ele. Já tinha lido outras resenhas muito positivas dele e estava super curiosa, ainda mais por ser de uma autora brasileira q ainda não conheço. Com certeza é o próximo na minha lista de leituras!

    Gabi, blog Estaca 0nline
    www.estaca0nline.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oi Ana!!! A cada resenha que leio sobre esse livro, fico mais curiosa sobre ele. De fato, parece ser uma história encantadora e essa capa, que coisa mais linda! A do livro novo também está maravilhosa <3
    Beijo, beijo.

    Gih| A Menina que Não Para de Ler

    http://ameninaquenaoparadeler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Olá, Ana.
    Se não me engano tenho ele no meu kindle. Vou ver se é mesmo e assim que terminar o que eu estou lendo vou já começar esse. Eu me interessei bastante pela história, principalmente por ela ter passado o que passou e não ter se tornado uma pessoa amargurada e de mal com a vida.

    Blog Prefácio

    ResponderExcluir
  6. Olá, Ana, tudo bem?

    Que gracinha, estou apaixonada, realmente a capa conquista a gente de cara, mas a ideia de morar com irmãs foi o que mais me conquistou, sou filha unica então, não tem como não gostar da ideia HAHAHAHA, adoro romance leves e pude notar que não se foca apenas nisso e sim na historia em geral, gosto quando envolve outros personagens, enfim, adorei a premissa e espero com certeza conhecer um pouco mais sobra a historia da Babi.

    Beijinhos

    http://resenhaatual.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi, Ana, tudo bem?

    Se eu já queria ler esse livro só por ele ter essa capa linda, agora depois dessa sua resenha - maravilhosa, diga-se de passagem - a vontade de ler só aumentou!
    Eu não sei o que eu faria se fosse abandonada no altar, sabe? Deve ser a maior barra! =/
    A história parece ser muito gostosa, me lembrou um pouco a atmosfera dos livros da Carina Rissi...aquela coisa leve, fluida, que faz a gente sorrir!
    Adorei! <3

    Beijo
    - Tamires
    Blog Meu Epílogo | Instagram | Facebook

    ResponderExcluir
  8. Aninha!
    Já estou doidinha por esse livro. Preciso comentar que protagonistas divertidas e fortes são as minhas favoritas, se metendo em confusão então haha, amo! Sem dúvidas é um obra espetacular, gosto de histórias que trazem reviravoltas.

    Sua resenha está impecável, tão organizada, eu amei!
    Beijo grande,
    http://queremosmaislivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi, vc ainda tem o livro em pdf? está em falta na minha cidade... :(
    Se puder me passar por e-mail eu agradeço (caroline_ribeiroc@hotmail.com) Amei a resenha ! :)

    ResponderExcluir

Olá, obrigada pela visita!
Gostou da postagem? Então deixe sua opinião/crítica/elogio aqui!

~ Não respondemos comentários em anônimo.
~ Não é permitido o uso palavras ofensivas.
~ Não compartilhamos livros, não pratique pirataria e valorize o trabalho do autor.

Equipe Entre Páginas

© Entre Páginas | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Colorindo Design | Tecnologia do Blogger