[RESENHA]: O Duelo dos Imortais - Colleen Houck (Deuses Do Egito #0,5)


Título:  O Duelo dos Imortais (Deuses do Egito #0,5)
Autor: Colleen Houck
Páginas: 112
Ano de Publicação: 2017
Editora: Arqueiro 
Compre Aqui: O Duelo dos Imortais - Amazon
Skoob: O Duelo dos Imortais
Sinopse: Quem são os deuses que regem os caminhos e descaminhos de Amon e Lily, os corajosos heróis da série Deuses do Egito? Por que esses deuses tramam conquistas e vinganças, envolvendo a humanidade em suas maquinações? E por que deixam nos ombros de alguns jovens mortais a responsabilidade pela salvação do mundo?

Antes que Lily e Amon se encontrassem, antes mesmo que o caos dominasse o cosmos e os deuses precisassem de três irmãos corajosos para combater o mal, muita coisa já estava em jogo. Em O duelo dos imortais, vamos conhecer a história dos quatro irmãos que assistiam, com seus poderes especiais, o grande Amon-Rá no governo da Terra:

Osíris, o generoso deus da agricultura, que ajuda os mortais a crescer e prosperar em seu ambiente natural.

Ísis, a linda deusa da criação, que promove a saúde e o bem-estar.

Néftis, a doce vidente, que mantém o equilíbrio entre os seres vivos e o universo.

E por último Seth, o mais jovem, que cresceu desprovido de poderes e desprezado por todos.

Quando, finalmente, os poderes de Seth se manifestam, que efeito sobre a humanidade terá a perigosa mistura de uma infância marcada pela rejeição, uma intensa paixão não correspondida e o incrível poder de desfazer coisas, pessoas... e até deuses?

Romance, traição e vingança são os fios que tecem esta trama surpreendente, cujos personagens imortais despertam em nós os mais profundos sentimentos."

Olá pessoal, tudo bem com vocês? Hoje venho trazer a resenha de um livro que me surpreendeu muito! Comentei no Instagram que eu não estava gostando tanto assim da série “Deuses do Egito”, da Colleen, acho que esperava me conectar mais com a história e gostar tanto como gostei de "A Maldição do Tigre", e como isso não foi acontecendo, achei que eu iria desanimar... Ler O Duelo dos Imortais foi mais por desencargo de consciência, pois por ser um precursor da série, eu imaginei que não iria me prender tanto. Estava completamente enganada! O livro me encantou mais que os outros já lançados, e me motivou a terminar essa série e vê-la com outros olhos.



Em O Duelo dos Imortais, conhecemos a história dos deuses que regem o caminho dos personagens Lily e Amon na série Deuses do Egito: Osíris. Isis, Néftis e Seth.
Seth sempre teve muita inveja dos irmãos e se sentiu inferior a eles, uma vez que os poderes de todos se manifestaram muito cedo, e os seus não. Além disso, Seth sempre teve sentimentos por Isis, e sua obsessão pela deusa o torna cada vez mais frio e sombrio.

Isis já havia desistido de encontrar alguém para amar, até que com a volta de Osíris para casa, ela percebe que seus sentimentos por ele eram mais fortes do que ela imaginava. É nítido que Osíris corresponde aos sentimentos dela, mas como um relacionamento entre os Deuses era estritamente proibido, ela a afasta, deixando Isis muito magoada.


Paralelo a isso, Seth finalmente descobre o seu poder, o de “desfazer” toda criação, e com isso, resolve impressionar Isis e convence-la a ficar com ele. Porém, quando percebe os sentimentos entre ela e o Osíris, e tomado por uma fúria imensa, e resolver usar todo o seu poder para separar o casal e tomar Isis para si; Seth está disposto a fazer o impensável, mesmo que isso traga consequências que nenhum deles pode prever. 

Apesar de ser um livro de poucas páginas, O Duelos dos Imortais traz uma grande história. Não conheço muito (quase nada) sobre mitologia egípcia, é tudo muito novo pra mim, e por esse motivo acredito que conseguir “aproveitar” muito mais a história. Além disso, ter um precursor da série Deuses do Egito foi essencial, pois me fez entender mais a história, a origem de alguns fatos e desavenças, e me conectar mais com os personagens.

A forma como a autora descreveu os personagens foi fantástica, principalmente Seth. Consegui sentir toda a sua inveja, desprezo pelos outros e ar de superioridade, e isso me fez tomar ódio dele gente kkkkk; Isis é meio impulsiva, e em certo momento, meu lado racional dizia “mas ela mal se apaixonou e já está nesse desespero todo?”. Osiris é o típico cara que fazer tudo direito, mas não consegue se conter, e Néftis, ela me fez passar um pouco de raiva também, mesmo que seus atos fossem na melhor das intenções (De boas intenções o inferno está cheio né? Kkkkkk).

Mesmo sendo o terceiro livro a ser lançado, por ser um precursor, O Duelo dos Imortais pode ser lido fora da ordem, pois sua leitura não influencia em nada nos acontecimentos dos próximos livros ou dá algum spolier do que vêm a seguir. Eu até sugiro começar por ele mesmo, pois assim, já temos uma visão geral de como as coisas aconteceram.

A Arqueiro tem feito um trabalho de edição excelente com essa série! Todas as capas são incríveis, e essa, em minha opinião, é a mais bonita até o momento. Agora sim estou ansiosa para terminar essa série, e saber como as coisas vão se desenrolar!

Espero que tenham gostado da resenha pessoal, beijos e até a próxima!

Ah, e tem resenha premiada de As Tumbas de Atuan! Participem e concorram a um exemplar!


4 comentários:

  1. Oiii Ana

    A resenha ficou linda e super completa. Dessa saga li o primeiro livro e me encantou, a Lily principalmente, achei a protagonista muito corajosa e facil de se simpatizar. Tenho vontade de seguir com a série, principalmente agora que a autora ja publicou a terceira parte em Inglês e deve logo logo vir para outros idiomas.

    Beijos

    aliceandthebooks.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Hey!

    Eu só li o primeiro dessa série até agora e gostei muito. Não sei bem por que parei, hahah. Vou procurar o segundo...

    Amei a resenha, fiquei curiosa.

    Beijos,

    http://blogminhaorbita.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  3. Nossa, preciso ler! Essa mistura de Deuses antigos deve ser ótima!

    Bjinhos,
    ❥ AmigaDelicada.com

    ResponderExcluir
  4. Olá, tudo bem? As capas dessa série são muito lindas mesmo... Não é um enredo que me chame super a atenção, mas ainda assim fiquei com uma ponta de curiosidade para ler a obra. Adorei a resenha!

    Beijos,
    Duas Livreiras / Sorteio "O gnomo Elias"

    ResponderExcluir

Olá, obrigada pela visita!

Gostou da postagem? Então deixe sua opinião/crítica/elogio aqui!
É blogueiro? Deixe o link do seu blog para que possamos visitar :)


Equipe Entre Páginas

© Entre Páginas | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Colorindo Design | Tecnologia do Blogger