[RESENHA]: O Príncipe Leopardo- Elizabeth Hoyt (Trilogia dos Príncipes #2)


Título:  O Príncipe Leopardo (Trilogia dos Príncipes #2)
Autor: Elizabeth Hoyt 
Páginas: 350
Ano de Publicação: 2017
Editora: Record

Sinopse: O segundo livro da aguardada série de romances de época com uma forte pitada de erotismo A única coisa que uma dama jamais deve fazer... Lady Georgina Maitland não quer um marido, embora ela pudesse ter um bom administrador para cuidar de suas propriedades. Ao pôr os olhos em Harry Pye, Georgina percebeu que não estava lidando apenas com um criado, mas com um homem. É se apaixonar... Harry conheceu muitos aristocratas — incluindo um nobre que é seu inimigo mortal. Mas nunca conheceu uma dama tão independente, desinibida e ansiosa para estar em seus braços. Por um criado. Ainda assim, é impossível ter um relacionamento discreto quando ovelhas envenenadas, aldeões assassinados e um magistrado furioso tumultuam o condado. Os habitantes culpam Harry por tudo. Enquanto tenta sobreviver em meio à desconfiança e manter o pescoço de Harry longe da forca… Georgina não quer perder outra noite de amor.

Oi pessoas, tudo bem? Trouxe para vocês a resenha do segundo livro da Trilogia dos Príncipes. Se vocês ainda não leram a resenha do Príncipe Corvo, ela foi publicada no dia 30 de Agosto, passem lá :). O Livro foi publicada pela a editora Record, e é da autora Elizabeth Hoyt.

Nossa história se passa em Woldsly onde o clima chuvoso está castigando as estradas e plantações. Lady Georgina Maitland está em sua carruagem voltando de Londres, junto com o seu administrador de terras, sr. Pye, mas a estrada está enlameada, ocorre um acidente com sua carruagem e para melhorar a situação, os cavalos conseguiram fugir. Mas, graças ao amplo conhecimento do sr. Pye, eles encontraram um velho chalé na montanha para se abrigarem até a chuva cessar e o cocheiro conseguir uma carruagem para prosseguirem a viagem. Neste momento a sós, Lady Georgina começou a contar um conto de fadas para o seu administrador, que aparentemente não estava muito interessado à conversar no momento e ficar íntimo de sua patroa.


No dia seguinte ao voltar ao local do acidente Lady Georgina e sr. Pye conseguiram uma carona de um fazendeiro que estava passando, mas, o mesmo não estava disposto a ajudar o sr, Pye até avistar a Lady Georgina, logo, a ajudou a seguir o seu destino. No caminho da sua mansão ela e sr. Pye avistaram no terreno vizinho várias ovelhas mortas no campo, mas não deram tanta importância para o fato.


Lady Georgina é mais velha entre os irmãos Oscar, Ralph, Tony e Violet. Ela é Herdeira de uma fortuna e terrenos. É uma mulher independente que faz o que quer. Sua beleza e sua pele clara é realçada pelos seus cabelos ruivos. Aos seus 28 anos, não pensa em se casar de forma alguma. Enfim, ao chegar na sua mansão em Woldsly encontrou seus empregados e sua querida irmã mais nova Violet. Ela é a única irmã que convive com ela. Logo, ela soube da notícia dos últimos acontecimentos na região:

Violet: - Antes de eu escrever para você, dez ovelhas foram encontradas mortas nas terras de um arrendatário dos Granvilles, logo acima do riacho que divide as propriedades. Havia pegadas enlameadas que iam dos cadáveres à margem do riacho. Pegadas que continuavam do outro lado, nas suas terras.- Ninguém na propriedade dos Granvilles tem motivo para envenenar as ovelhas. Mas uma pessoa em Woldsly tem.
- Harry Pye
Harry Pye é um homem honesto, sábio e aprendeu muito com seu falecido pai Jonas Pye. Diferente de sua mãe que é vista pela a sociedade como prostituta. Ele é dono de olhos verdes radiantes e cabelos compridos. Ele cresceu nas propriedades dos Granvilles, pois seu pai trabalhava nas terras do mesmo. Lorde Granville é um tipo de homem detestável, que todos o temem. Nenhum plebeu é capaz de enfrentá-lo. Onde ele passa espalha medo e maldade. Ele tem dois filhos, Bennet Granville, que é dono de olhos verdes admiráveis e não convive com seu pai e Thomas Granville que ao contrario o irmão, faria de tudo para ganhar a aprovação do seu pai. Quando Harry descobriu que estava sendo acusado de envenenar as ovelhas da propriedade do Granvilles não demonstrou nenhuma preocupação, mas ele precisava limpar o seu nome. Todos estavam olhando torto para ele, mas ele não estava sozinho nessa busca.

Lady Georgina estava aguardando Harry no seu humilde chalé, e queria ajudá-lo a descobrir quem está tentando incriminá-lo. Visitaram pessoas que os Granvilles machucaram emocionalmente e fisicamente. Ele é odiado por muitas pessoas e seria muito difícil achar quem estaria por trás dessa matança. E, a cada dia que se passava mais ovelhas apareciam mortas.

Lady Georgina, simplesmente ignorou a acusação, pois ela confiava em seu administrador. Até que recebeu uma visita inesperada do Silas Granville em sua casa, ameaçando prender o sr. Pye acusando-o de matar suas ovelhas. E, para piorar a situação do administrador, foi encontrado um entalhe no formato de um porco espinho à alguns passos das ovelhas mortas, e algumas pessoas sabiam que e Harry Pye tinha habilidade de entalhar esculturas. Lady Georgina estava disposta a ajudar o administrador à se livrar das acusações.


No momento em que Lady Georgina e Harry passavam juntos ela contava um pouco do conto de fadas que havia iniciado no chalé, mas, com o passar da história Harry estava mais interessado. Houve uma emboscada e um tiro. Harry nunca poderia imaginar a capacidade de ação de Lady Georgina e acendeu-se uma faísca dentro de si. Ele sabia que sua classe social e o fato de ser o empregado dela, seria um grande motivo de não se envolver com uma aristocrata. Mas o sentimento é recíproco. E, o que seus irmãos e a sociedade falariam, se a vissem com um plebeu? Sua irmã Violet não estava feliz com o envolvimento da irmã, logo, mandou uma carta para todos os seus irmãos. Aí ficam as perguntas, quem está matando as ovelhas e incriminando Harry Pye? O que aconteceu com Harry pra ter motivos para sabotar a propriedade dos Granvilles? E Georgina consegue provar a inocência do sr. Pye?




Acontecem tantas coisas no livro, são tantos detalhes e segredos importantes que a leitura fluiu de uma forma inesperada. O Harry é o tipo de personagem que te conquista a cada página. Além da maturidade do enredo. As questões feministas chamaram muito a minha atenção. Uma mulher de classe alta, que possui terras e riquezas.
Quando descobrira que o proprietário das varias terras que administraria era uma mulher, Harry ficara surpreso. Mulheres, em geral, não eram donas de terras. Normalmente, quando uma mulher possuía uma propriedade, havia um homem – filho, um marido ou um irmão – por trás de tudo, o verdadeiro mandante, a pessoa que decidiria como as terras seriam administradas. Mas, embora Lady Georgina tivesse três irmãos, era a própria dama que estava no controle.
Os personagens são fortes e autênticos. A cada página você descobre algo novo. Eu gostei muito dos irmãos de Georgina, principalmente o Tony (mais velho) ele cuidou das situações de uma forma inesperada e sem escândalos. Pode até parecer que a história é um clichê total, mas não. É ótimo. Como não amar os livros da autora Elizabeth Hoyt? Apostei todas as minhas fichas no romance de época Príncipe Corvo e simplesmente adorei. E, eu sabia que o segundo livro da trilogia iria me surpreender ainda mais. E, gente… e essa capa maravilhosa?

Então gente, isso. Espero que tenham gostado.


Até mais.


6 comentários:

  1. Oi, Lídia!
    Eu gostei demais desse livro, principalmente da personalidade da Georgina.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luíza,

      Essa trilogia já ganhou meu coração! :)

      Até mais!

      Excluir
  2. Oie, tudo bem?
    Adorei a dica, deve ser bem interessante!
    Blog Entrelinhas

    ResponderExcluir
  3. Oláá! Tudo bem?
    Já vi resenha do primeiro livro e fico feliz de ver que o segundo parece bom também! eu ainda não me iniciei nesse mundo das leituras de época, preciso fazer isso logo!! mas esse é um que me chama muita atenção, ainda mais com essa capa lindona! ^^
    beijo

    https://lecaferouge.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Tamara,
      Esse é o meu terceiro Romance de Época e agora não quero parar mais. Super recomendo esse livro. :)

      Beijos!

      Excluir

Olá, obrigada pela visita!

Gostou da postagem? Então deixe sua opinião/crítica/elogio aqui!
É blogueiro? Deixe o link do seu blog para que possamos visitar :)


Equipe Entre Páginas

© Entre Páginas | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Colorindo Design | Tecnologia do Blogger