[RESENHA]: O Beijo Traiçoeiro - Erin Beaty


Título: O Beijo Traiçoeiro
Autor: Erin Beaty
Páginas: 440
Ano de Publicação: 2017
Editora: Seguinte

Sinopse:Uma garota obstinada que não quer se casar. Um soldado que fará de tudo para provar seu valor. Um reino à beira da guerra. Com sua língua afiada e seu temperamento rebelde, Sage Fowler está longe de ser considerada uma dama — e não dá a mínima para isso. Depois de ser julgada inapta para o casamento, Sage acaba se tornando aprendiz de casamenteira e logo recebe uma tarefa importante: acompanhar a comitiva de jovens damas da nobreza a caminho do Concordium, um evento na capital do reino, onde uniões entre grandes famílias são firmadas. Para formar bons pares, Sage anota em um livro tudo o que consegue descobrir sobre as garotas e seus pretendentes — inclusive os oficiais de alta patente encarregados de proteger o grupo durante essa longa jornada. Conforme a escolta militar percebe uma conspiração se formando, Sage é recrutada por um belo soldado para conseguir informações. Quanto mais descobre em sua espionagem, mais ela se envolve numa teia de disfarces, intrigas e identidades secretas. E, com o destino do reino em jogo, a última coisa que esperava era viver um romance de tirar o fôlego.”
 Olá minha gente, tudo bem com vocês? Hoje trago a resenha do último livro lido em 2017, e posso dizer que não poderia ter terminado de maneira melhor. Desde o lançamento de O Beijo Traiçoeiro fiquei encantada pela sinopse e capa, e recebe-lo em cortesia da Companhia das Letras foi um grande presente para mim. A história foi tudo o que eu esperava e mais um pouco, teve ação, suspense, romance, tudo junto e misturado de maneira brilhante, o que fez com que o livro fosse todo amarradinho, e nos prendesse até o fim.

Em O Beijo Traiçoeiro conhecemos Sage Fowler, uma jovem passarinheira com o espírito livre. Sage foi criada pelo pai em meio à floresta e pássaros, e diferente das garotas de sua idade ela não se importa com vestidos e maquiagem, prefere calças, andar a cavalo, observar os pássaros na floresta, e isso faz com que ela tenha várias marcas e arranhões pelo corpo, além de não ser uma moça tão delicada... Mas isso é mais que compensado com toda a sua inteligência e astúcia. Sage mora com os tios desde a morte dos pais, e dá aula para seus primos, algo que faz com muito carinho e dedicação, pois sempre gostou de ler e estudar. 

A vida de Sage muda no dia em que descobre que seu tio planeja enviá-la para a casamenteira, a fim de arrumar um marido para a garota. Os planos de Sage envolviam trabalhar, dar aula, e não um casamento arranjado, e isso faz com que a moça fique muito irritada. Porém, por maiores que fossem os apelos de sua tia, e por mais que Sage tenha tentado controlar sua língua e temperamento, fica claro para a casamenteira que Sage não é uma noiva ideal, e com isso ela faz uma proposta para a menina: que Sage seja sua aprendiz, e acompanhe as noivas para o Concordium (um evento na capital do reino, onde uniões entre grandes famílias são firmadas) disfarçada de noiva, para que assim possa observar as moças, fazer anotações,  e ajudar a escolher os noivos que mais sejam compatíveis. Mais uma vez, não é o que Sage gostaria para seu futuro, mas como também não tem muitas opções viáveis, a garota aceita a oferta.

A viagem começa e, misteriosamente, uma escolta de soldados é designada para acompanhar as noivas ao Concordium. Sage, com sua curiosidade incontrolável, faz várias suposições sobre o motivo dessa companhia, e quando Darnessa, a Casamenteira, pede que ela também faça anotações sobre tudo que descobrir a respeito dos soldados, seu interesse cresce ainda mais. O que ela não sabe é que isso acaba despertando o interesse dos soldados sobre ela, e pode colocá-la em meio a uma grande conspiração.

Paralelo à história de Sage, acompanhamos a história de Capitão Quinn e seus soldados. Após suspeitarem de uma conspiração, os mesmos são designados para escoltar as noivas do Concordium, e secretamente observar o terreno e as propriedades por onde passarem durante a viagem. Capitão Quinn designa um de seus soldados para se aproximar de uma das noivas e tentar conseguir alguma informação, e a noiva escolhida é justamente Sage. Logo fica claro para eles que a moça esconde e sabe muito mais do que aparenta, o livro em que ela faz constantes anotações desperta a curiosidade dos soldados, e assim cresce a dúvida se ela pode ser uma espiã dos inimigos, ou alguém que possa ser usada a favor dos soldados.

Quando os caminhos de Sage e os soldados finalmente se cruzam, mais uma vez a vida da moça muda após uma proposta indecorosa; segredos são revelados (mas nem todos), especulações são feitas, e de aprendiz de casamenteira, Sage passa a interpretar um papel que nunca imaginou ser possível, ao mesmo tempo em que começa a ter sentimentos que nunca imaginou que teria por certo soldado, e não sabe todas as consequências que suas descobertas podem trazer para a vida de todos dali pra frente.

Gente, sei que eu já falei demais, mas não foi nem 10% do que acontece nas 440 páginas desse livro maravilhoso! Achei a história tão bem escrita, os personagens tão cativantes, que foi impossível não me envolver e ficar apaixonada por essa história. Todo o clima de conspiração, suspense e ação, misturado com um toque de romance fizeram com que a história se tornasse completa! Mas não pensem vocês que tudo são flores no livro, pois não são. Há momentos de tensão sim, e situações bem tristes que partiram meu coração, mas que foram necessárias para combinar com o tom mais sério do livro.

Os personagens são todos muito bem construídos. Sage é bem independente, de personalidade marcante e gênio forte. No início ela me irritou um pouquinho com a sua teimosia e pirraça, mas aos poucos isso foi dando lugar a um senso de dever e ajuda ao próximo que me ganhou. Seu relacionamento com as pessoas que ela gosta é bem verdadeiro, e isso foi outra coisa que gostei. “Rato” foi outro personagem que me ganhou. Eu estava louca para entendê-lo melhor, e quando a minha ficha caiu e eu finalmente o entendi, fiquei chocada e mais ansiosa ainda para dar continuidade à leitura. Quando a gente pensa que o livro não pode nos surpreender mais, ele surpreende!

Os últimos capítulos do livro são de pura ação, as peças do quebra-cabeça vão se formando, e quando contemplamos a história como um todo ficamos admirados! Há quem não tenha gostado muito do final por ele ser um pouco “aberto”, mas eu achei que combinou perfeitamente com a proposta da autora. O livro terá uma continuação, e eu espero ansiosamente por ela!

OBS: Sobre a edição, eu amei a capa, a diagramação, e o fato de vir um marcador na contracapa (A maioria dos meus livros da Seguinte vem), mas achei a capa um pouco molinha, ficou um pouco amassada só por manter o livro aberto, mas fora isso está tudo ótimo!

Bem pessoal, chegar de tecer elogios a essa obra não é? Leiam, e depois me contem o que acharam! Espero que tenham gostado da resenha, beijos e até a próxima!



2 comentários:

  1. Acredita que até hoje eu só tinha visto a capa deste livro, nunca nem tinha lido a sinopse.
    É fascinante quando um livro é tão maravilhoso e surpreendente assim, não é? É até difícil fazer um resumo porque sempre gostamos de cada pedacinho.
    Eu me interessei pela história, mas não sei se o possível romance me agradaria por algumas coisas que não costumo gostar em romance e parece ter neste, mas, realmente acredito que o livro possa ser surpreendente e amo isso em histórias.
    Portanto, vou colocá-lo sim na minha e quando puder lê-lo, espero mesmo gostar tanto quanto você gostou.
    Magia é Sonhar

    ResponderExcluir
  2. Oi, Ana. Esse é um dos livros que também quero muito ler, mas ainda não tive oportunidade. Eu acho legal quando uma história que seja aparentemente um romance de época, acabe nos surpreendendo com cenas de ação e mistério. Tenho certeza que vou amar esse livro.
    Beijos!
    http://www.suddenlythings.com

    ResponderExcluir

Olá, obrigada pela visita!

Gostou da postagem? Então deixe sua opinião/crítica/elogio aqui!
É blogueiro? Deixe o link do seu blog para que possamos visitar :)


Equipe Entre Páginas

© Entre Páginas | Todos os direitos reservados.
Desenvolvimento por: Colorindo Design | Tecnologia do Blogger