[RESENHA]: Professor Feelgood - Leisa Rayven

 Título: Professor Feelgood

Autor: Leisa Rayven

Páginas: 368

Ano de Publicação: 2018

Editora: Globo Alt

Skoob: AQUI

Compre Aqui: Amazon


Sinopse: “Asha Tate é uma ambiciosa assistente editorial. Romântica ao extremo, ela sonha com um amor que a leve às alturas. O homem ideal deve preencher todos os requisitos de sua longa lista – e talvez seja por isso que ela ainda não o tenha encontrado. Mas o romance fica em segundo plano quando o assunto é carreira, e tudo indica que ela está prestes a ser promovida. No entanto, para conseguir o cargo dos seus sonhos, ela deve achar um best-seller que balance o mercado editorial. Ela só não imagina que será balançada com ele. Em busca do próximo sucesso de vendas da editora Whiplash, Asha acaba entrando em contato com o Instagram do misterioso Professor Feelgood, que tem milhões de seguidores e um grande potencial de vendas. Mais do que apenas fotos sensuais de seu incrível corpo, o Professor posta poemas angustiados que atingem em cheio a sua alma. Mas o homem por trás da página acaba sendo bem diferente do que ela imaginava. Claro, seu corpo é lindo e seu rosto é de morrer, mas ele é intenso, arrogante e parece ter raiva do mundo todo – principalmente dela Logo, o projeto dos sonhos de Asha parece ter tudo para se tornar um grande pesadelo. Para piorar, a atração que parece queimar entre ela e o Professor não ajuda em nada a manter sua cabeça no lugar. Dividida entre traumas do passado, sua carreira ascendente e sentimentos conflitantes, Asha terá que descobrir como publicar um sucesso editorial, resolver suas questões pessoais e, acima de tudo, lidar com o complexo Professor.”


Mr. Romance foi um livro que eu gostei muito, e por esse motivo estava curiosa para ler o segundo livro da série, Professor Feelgood, afinal seria contada a história da fofa da Asha, que me conquistou já no primeiro livro.


Asha é uma assistente editorial que sonha em ser promovida a editora, e essa oportunidade surge quando o dono na editora onde trabalha lança um desafio, o assistente que trouxer o novo autor/livro que seja um Best Seller, ganha a promoção!


Achar um best seller pode não ser uma tarefa fácil, mas Asha tem uma ideia: ela é uma romântica incurável e há meses está obcecada no Instagram do Professor Feelgood, um homem misterioso que publica poemas que tocam a sua alma (e de brinde fotos do seu corpo escultural, por sinal hahaha); e se ela publicasse o Professor? Ela se arrisca a mandar uma mensagem e depois de muita relutância por parte do Professor ela acaba o convencendo, apresenta o projeto para a editora e ganha a disputa!


E agora começa a parte mais difícil: ela tem um prazo para publicar um livro de um autor que ela nem conhece pessoalmente e provar que ele será sim um best seller. O problema é que Ash descobre que conhece sim o Professor: ele é alguém do seu passado, e eles SE ODEIAM.

Mas pelo bem do livro e do trabalho de ambos Ahs e Jake (O Professor Feelgood) precisam trabalhar juntos, e nisso superar anos de mágoa, erros do passado, e claro, muita atração que eles fingem não sentir. 


Publicado no instagram: @anaentrepaginas

Esse é um livro que fala principalmente sobre perdão. É um enemies to lovers, mas consegue ser mais “profundo” já que aqui temos duas pessoas que já foram muito amigas, tiveram problemas e hoje não conseguem mais se entender. Os primeiros capítulos são puro ódio e brigas, e aos poucos vamos entendendo o que fez que os dois se afastassem assim.


Asha me conquistou desde o primeiro livro, pela sua personalidade forte, ser obstinada, focada na carreira uma romântica incurável. Ela tem traumas do passado e a volta de Jake traz muitos deles a tona, faz com que ela precise enfrentar muita coisa e entender que nem tudo é como ela imaginava.


Apesar de serem histórias independentes, sugiro a leitura dos livros na ordem, pois Professor Feelgood pode conter pequenos spoilers do livro anterior Mr. Romance.

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Postar um comentário